CINECLUBEIESB 2010/01, #15: CINEMA DE SAMURAI – YOJIMBO, Akira Kurosawa, 1961

O cinema de samurai, que faz parte da tradição jidaigeki (filme de época japonês), está na história do cinema oriental desde seus primórdios, no cinema mudo. A abordagem cinemática do sangrento período feudal japonês, para o qual o povo do sol nascente se refugia da maneira como os europeus se refugiam para sua cavalaria medieval, é uma tradição sólida e um pilar fundamental do cinema mundial. As histórias envolvendo samurais lendários (espécies de capitães de guarda da nobreza japonesa), hierarquias militares e ronin (samurais sem senhor, desgarrados) influenciaram desde os faroestes americanos aos desenhos animados futuristas.

Nosso ciclo jidaigeki inclui, na primeira sessão, Yojimbo, clássico de Kurosawa que ajudou a popularizar o gênero mundialmente (tendo sido traduzido na linguagem do western por Sérgio Leone em Por um punhado de dólares); Samurai Rebellion, inédito no Brasil e eletrizante filme de Kobayashi que ajudou a modernizar o gênero; e Zatoichi, do diretor cult “Beat” Takeshi Kitano, retratando história clássica do gênero e representando a produção contemporânea.

Abaixo, uma página da HQ classica “Lobo Solitário”, de Koike e Kojima, e o making of do desenho “Samurai Jack” (Tartakovsky).

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: